Não é invalidar

Sobre demissexualidade

2020.11.19 10:35 caomunistamarx Sobre demissexualidade

Olá, sexualidade! Eu sempre tive algumas dúvidas em relação a demissexualidade, e sabendo que alguns membros desse sub se identificam como demissexuais, gostaria de abrir essa discussão. Mas antes de começarmos, algo importante: O intuito desse tópico é tentar compartilhar diferentes pontos de vista mas sem invalidar a sexualidade alheia, demissexualidade é um fenômeno existente e caso discorde, talvez esse tópico não seja pra você.

Sempre achei que demissexualidade possui uma diferença das demais sexualidades. Heterossexuais sentem atração ao gênero oposto, homossexuais sentem atração ao mesmo gênero, bissexuais sentem atração a ambos os gêneros, assexuais não sentem atração por nenhum gênero e demissexuais só sentem atração por pessoas que compartilham laços afetivos.

Sei que sexualidade não é algo tão preciso (está muito mais próximo de um espectro amplo do que uma simples caixa de seleção), mas a própria definição de demissexual quebra a lógica de atração por um grupo para indivíduos. Claro que ninguém é obrigado a sentir ou não atração a todo um grupo somente por sua sexualidade, mas a demissexualidade por si só diz somente quando há atração, não sob o que se há a atração.

Pesquisei um pouco na internet para ver se conseguia sanar essa dúvida, mas achei apenas discussões inconclusivas. Vi pessoas dizerem que demisexualidade seria um padrão comportamental ao invés de uma sexualidade de fato, mas vai de encontro com o fato da pessoa não escolher a sua sexualidade e sim nascer com ela. Também vi definições que dizem que demissexualidade é uma variação da assexualidade, já que não é regra assexuais nunca sentirem atração. Além disso, vi também pessoas dizendo ser um "complemento" as demais sexualidades, algo tipo heterossexual demissexual.

Enfim, o que acham sobre o assunto? E, novamente, o propósito desse tópico não é ofender ou desqualificar ninguém, estou tentando compreender a complexidade da coisa. Obrigado!
submitted by caomunistamarx to sexualidade [link] [comments]


2020.10.12 11:24 BelaBesta Processos para vagas IT: O tempo exigido e as (várias) fases de desafios

Antes de mais, eu sei o que devem estar a pensar: "Mais uma pasta de um gajo em IT". Para ser sincero, é um pouco sim, mas gostaria de gerir uma discussão para perceber se sou eu o mentecapto ou se está se a tornar abusiva, por parte das empregadoras, a utilização dos coding challenges/coding assessments.
Um pouco de background meu: Estou em vários processos neste momento enquanto trabalho. Aproveito as poucas horas que tenho livres (fora das horas de trabalho) para treinar e dedicar aos desafios/entrevistas técnicas. O problema é que, na vasta maioria dos casos, faço um desafio técnico, passo para outro desafio (a mítica 2ª fase de desafios). Ao acabar ainda tenho um género de discussão sobre as soluções com um técnico. Os desafios podem variar entre challenges de 1h-2h , até uma semana no máximo a fazer projectos, sabendo que estamos a falar de posições Fullstack DevelopeSoftware Engineer Intermediate/Sénior. O que foi descrito no meu último parágrafo pode demorar, em média, quase um mês em termos de duração de um só processo. E normalmente quem vai à procura de oportunidades não se fica por um único processo. As questões e focos nesta discussão são:
Só um heads up, não estamos a falar da simplicidade de certos desafios, até porque há exemplos onde os desafios são todos feitos num curto espaço de tempo e são simples e dão para perceber como alguém programa.
Agradeço desde já e que seja uma discussão séria que estimule tanto os prós e os contras, acho que só assim é que dá para se perceber o relevo desta situação pelo menos no nosso país.
Partilhem as vossas experiências também e mostrem o que há de melhopior nesta vertente!
submitted by BelaBesta to portugal [link] [comments]


2020.09.14 22:20 wtock Grupo transfobico

Eu nunca me considerei de esquerda e por isso sempre tive desinteresse em estar em grupos lgbts partidários. Resolvi conhecer mais sobre outras vertentes políticas e acabei entrando em um grupo liberais que supostamente é lgbt.
Só que uns tempos pra cá tenho visto bastante postagens transfobicas, sabe aquele comportamento de grupo de pegar espantalhos pra bater? Então eles fazem a mesma coisa.
Resolvi sair do grupo pq fiquei bastante chateado com algumas publicações, além da própria adm fazer certos comentários tentando invalidar a identidade de gênero das pessoas trans.
Enfim é só um desabafo, cada vez mais eu percebo que não vale a pena fazer parte de grupos pq as pessoas são uma bosta.
O nome do grupo é liberais lgbt, eles até possuem uma página no Facebook, mas eu não recomendo.
submitted by wtock to arco_iris [link] [comments]


2020.05.12 00:02 cedreamge Escola de comissário alega ser serviço essencial

Faço curso de comissário no RJ, e hoje mesmo saiu no diário oficial que as medidas de isolamento vão ser extendidas até o fim do mês, e o prefeito ainda apertou mais na capital. A escola de aviação inicialmente disse que voltaria amanhã (dia em que o decreto do Witzel não estaria mais em validade - se não tivesse sido renovado, óbviamente). Hoje eles enviaram essa nota técnica publicada no site da ANAC (órgão de aviação civil) para justificar que, como escolas de aviação são serviços essenciais, eles estarão abrindo as portas segunda-feira que vem.
Estou um pouco apreensiva com tudo isso, mas não tenho coração para faltar aula, mesmo com COVID-19 rolando. Tenho procurado o decreto legal que define o que seria serviço essencial no estado/cidade, já que a nota técnica foi escrita por um maluco em algum município de SP. Acho um absurdo se considerarem serviço essencial. O que eu faço? Como contesto isso? A única maneira a meu ver seria invalidar essa nota técnica.
submitted by cedreamge to brasil [link] [comments]


2020.03.21 23:39 Bu3n00 Bolsonaro só mostra que é mais lixo do que imaginavam

O cara tá fora da sanidade. Só pensa em como vai fazer pra se reeleger e ter a pensão de presidente!
Vagabundo mentiroso, alienado todo tempo pra abafar o quanto é burro, incompetente e despreparado pra liderar!
Se você ainda acredita nas ladainhas Bolsonaristas. Você é tão merda quanto ele!
O cara não está preocupado com o problema e quer invalidar atitudes dos governadores que estão consciente!
Pingo nos is se tornou uma mídia bolsonarista. Estão defende as falas do Bolsonaro e passando desinformação, Zé Maria e Augusto Nunes estão jogando fora trabalho de anos pra passar pano pra Bolsonaro!
Quero vê quando passar essa pandemia se ainda terão bolsominions alienados
E sim a culpa de todo esse problema deve cair nas costas do Presidente. Por ondas as falas e atitudes para desinformar a população.
Foi no ratinho. Repararam na distância que ratinho manteve!
O cara mente sobre seu exame. Mente sobre a eleição. Tudo isso pra te desinformar!
Não seja um gado. Você ajuda mais o seu país não criando idolatria por politico!
submitted by Bu3n00 to brasilivre [link] [comments]


2019.11.11 02:22 xi_save_earth Seriamos Bolívia, mas como a direita ganhou, seremos Chile

Aécio também chegou a recusar o resultado das urnas, e daí se arrastou uma sabotagem sem fim que acarretou no impeachment da Dilma, mas a insurgência que cheirava as eleições de 2018, com a campanha Bolsonarista de invalidar a contagem e promover o voto em cédula (principalmente pra criar confusão e não pelo direito em si) e a declaração do Bozo de não aceitar o resultado caso perdesse, junto com as ameaças militares contra os direitos de Lula a concorrer, se a esquerda tivesse ganho, seriamos Bolívia, como a direita ganhou, seremos Chile.
submitted by xi_save_earth to BrasildoB [link] [comments]


2019.10.31 22:20 Willhenriquen Minha irmã me mandou mensagem dizendo que quer se matar.

Não é a primeira vez que ela tenta. Ela tem depressão e alguns episódios de epilepsia as vezes. Por conta de se isolar na depressão as crises de ansiedade ficaram piores, ela praticamente nem sai de casa. Faz alguns meses que ela parou o tratamento psicológico e só toma os remédios. Eu tô puto. Puto com o marido dela que fica no modo passivo, sendo paciente também, sim, mas no geral sem cobrar algum tipo de ação, sem saber o que fazer e sem buscar ajuda também. Puto com ela, que tem apoio de todo mundo e usa esse apoio pra se invalidar cada vez mais. Puto comigo que tô puto com ela.... Eu tô aqui me preparando pra ir na casa dela, minha mãe está lá. Eu não sei o que dizer, nem sei se vai fazer algum efeito tbm.
submitted by Willhenriquen to desabafos [link] [comments]


2019.09.30 16:24 guerrilheiro_urbano JANIO DE FREITAS: Sentenças sem defesa

Mais uma vez, o Supremo Tribunal Federal mostra uma combinação de temor a reações da opinião pública, inclinações políticas e argumentos artificiosos no trato de questão essencial para o regime democrático.
É o que existe sob o louvado reconhecimento, já feito, de que às defesas cabe o último pronunciamento antes da sentença, para responder a denúncias novas ou a pendências remanescentes — direito desrespeitado em julgamentos na Lava Jato.

Na verdade, porém, o valor desse reconhecimento depende de uma definição que está ameaçada pelo próprio Supremo.
Ainda faltando os votos dos ministros Marco Aurélio Mello e Dias Toffoli, que apenas antecipou sua opinião, a meio da semana ficava reafirmada, por 6 votos 3, a tese que levou à anulação da pena imposta por Sergio Moro a Aldemir Bendine, ex-presidente da Petrobras. Resultado que agora se estendia ao ex-gerente da empresa Márcio Ferreira. Mas a forçosa decisão incomodou vários ministros, dada a possibilidade de anular numerosas condenações da Lava Jato. Não tardou a aparecer o que foi chamado de "modulação" no reconhecimento do direito dos réus. Melhor diriam, no entanto, mutilação.
Luís Roberto Barroso, terceiro a votar, propôs que, se confirmada para o réu a última palavra, assim seja apenas daqui por diante. Logo, caso o Supremo declarasse incorretos os métodos condenatórios, a seu ver o incorreto deveria permanecer intocado. Nem ao menos era caso de regra nova e não retroativa. Azar o de quem não teve a defesa final e está na cadeia.
É interessante a virada de Barroso, que se mostrava de fino rigor legalista até que se viu sob críticas, por comprometer-se com a tese da prisão antes de concluídos os recursos de defesa. Sua reconhecida vaidade se teria magoado, e passou a responder com uma virada para a linha Fux.
Por falar nele, nunca surpreendente, Luiz Fux adotou a proposta de Barroso. E, como toque pessoal, considerou mera "benesse processual" a ordenação dos pronunciamentos finais que leva, só ela, aos "assegurados contraditório e ampla defesa" citados no artigo 5º da Constituição.
Se, em casos da Lava Jato, entre a acusação por um delator e a sentença não houve tempo para a defesa, ficaram impossibilitados o contraditório e a ampla defesa. Para isso, o método de Moro consistia em dar o mesmo prazo para as "razões finais" da acusação e da defesa. Benesse, só para a ânsia condenatória de Moro.
Cármen Lúcia fez um voto peculiar: sim, a defesa tem direito ao prazo para responder à última acusação, mas a sua falta só deve invalidar a condenação se o réu provar que foi prejudicado. Assim o voto da ministra ignora que a incorreção a ser anulada não está no réu, está no processo.
O réu teve um direito negado, e não tem que provar nada para vê-lo respeitado. O truque para não repetir o julgamento de condenados da Lava Jato não está à altura da Carmén Lúcia original, serve apenas à dos últimos tempos.

Relator do caso, Edson Fachin foi espantoso. A seu ver, não tem sentido o prazo maior para a defesa porque a legislação não diferencia delatores e delatados. Ao que o decano Celso de Mello respondeu: se há tal lacuna, "deve ser suprida pelo princípio da ampla defesa". Com a Constituição, pois. Tese também de Rosa Weber e Ricardo Lewandowski.
Alexandre de Moraes, a propósito, foi simples e certeiro: "Não custa ao Estado respeitar o devido processo legal, o contraditório e a ampla defesa. Nenhum culpado, nenhum corrupto, nenhum criminoso deixará de ser condenado, se houver provas, se o Estado respeitar esses princípios constitucionais".
Ainda assim, e com a adesão de Dias Toffoli, que anunciou outra "proposta de modulação", os propensos a mutilar o direito constitucional à "ampla defesa" têm possibilidade de fazer maioria. Situação ameaçadora, porque, como disse Gilmar Mendes, "a questão não é Lava Jato, é todo um sistema de Justiça penal".
Ou é o perigo de Justiça bostonera.
submitted by guerrilheiro_urbano to BrasildoB [link] [comments]


2019.06.25 04:06 CydoniaMaster É possível duvidar do ato de duvidar? Questão revisada e blindada.

Olá, estava lendo Descartes em questão e fiquei preso a um questionamento primário, bobo talvez, mas que poderia tornar tudo de cabeça para baixo. A questão segue se não é possível duvidar do ato de duvidar revisada por um outro ângulo, a da incerteza diante do conhecimento que temos e principalmente do que não temos, que poderia, por conseguinte, torna-la inválida. Abaixo está a prova a qual achei através de conclusões lógicas que torna a proposição verdadeira, assim como afirmou Descartes e muitos outros depois dele.
OBS: Eu quero muito saber se há alguma incongruência lógica, gramatical ou algo mal explicado. Como revisei poucas vezes no Word, talvez tenha ficado muito confuso para outros que não eu. Obrigado!
Proposição a ser validada: Não é possível duvidar do ato de duvidar.
Para muitos essa questão é passado, mais especificamente, para o século XVII - o início da filosofia moderna – pois, foi esse questionamento que a iniciou. Descartes, através de suas várias indagações a respeito do conhecimento, chega à conclusão de que se deve despir dos pré-conceitos e questionar a tudo. No vazio que se fica, ele encontra uma luz em uma proposição tida como inquestionável, “não é possível duvidar do ato de duvidar”, pois, ora, assertivo, se eu duvidar desse questionamento, estarei entrando em contradição, e, portanto, tornando a minha indagação, falsa. Seria ruim se a proposição fosse falsa, pois desse questionamento primeiro surge uma segunda consequência que tornaria suspeito a tudo e a todos, até mesmo da existência de si e das coisas. Isto porque o filósofo francês ainda cunhou a proposição: “Penso, logo existo”. A condição para pensar seria questionar se eu penso, pois para validar algo, o questionamento é primeiro. Logo, não estaríamos certo de que pensamos e nem de que existimos. A Filosofia se tornaria invalida no âmbito de método racional para o conhecer das coisas. Ainda bem, portanto, que a própria contradição já torna a proposição inválida, já que se eu duvidar de pensar, poderia duvidar do ato de duvidar de pensar, e infinitamente, não chegar a lugar algum e, assim, invalidar que isso seja algo possivelmente válido.
Entretanto, eu questionei a si mesmo, como podemos ter a certeza de que nada poderia torná-la válida mesmo tendo a contradição? Tomemos a seguinte proposição geral como exemplo: “A luz pode estar acesa e apagada ao mesmo tempo”. Despindo-se dos adornos que envolvem a luz, e as possíveis interpretações do meio, estado e variáveis incididas no objeto luz, um indivíduo do século XIX poderia muito bem invalidar tal afirmação por contradição. Oras, questionaria ele, como um objeto pode estar em duas situações distintas ao mesmo tempo, no caso, acesa e apagada. Não obstante, o século XX demonstrou que tal feito poderia ser verdadeiro através do mundo quântico, e, portanto, validá-la. Algo que até então era tido como falso por questões primeiras, pois abrigava uma contradição que por efeito tornava o questionamento em falsidade, acabara por ser verdadeira. Ou seja, uma mudança no paradigma e na extensão do limite do conhecimento, possibilitou que tal contradição fosse verdadeira. Por qual motivo racional, portanto, uma mudança em alguma ciência natural ou humana, uma verdade descoberta por outros primeiros princípios, não poderia, possivelmente, invalidar a proposição inicial feita por Descartes? A solução para tal monstruosidade está no exercício da análise desse objeto possível.
A solução é muito simples. Suponhamos, então, que tal verdade exista, e que, portanto, invalide: “não é possível duvidar do ato de duvidar”. Se o ato da dúvida foi invalidado, então ele não pode ser utilizado para descobrir se a tida como verdade é, de fato, verdade, já que para garantir o valor verdade de algo, deve-se, primeiramente, questionar e duvidar do resultado e dos meios de análise. Portanto, cairia em outra contradição, mas desta vez, de método. Assim, a fim de fechar a questão de uma vez por todas, é preciso fechar o looping, ou ao menos invalidá-lo. Isso porque, se o questionamento de que algo poderia possivelmente ser descoberto posteriormente, e, assim, invalidar a invalidação da proposição inicial, então, esse caminho tem o poder de tornar a questão em um ciclo e, portanto, induzir essa esfera racional no questionamento infinito e irracional. Desse modo, faz-se necessário invalidá-lo, e para isso, conta-se com a própria matéria da incerteza. Se houvesse um looping de questionamentos dos questionamentos, então a única certeza seria a incerteza, e, portanto, a dúvida. Logo, mesmo não tendo uma resposta objetiva da questão de que se é possível invalidar a proposição cartesiana através de proposições tidas como primeiras e verdadeiras, podemos ter a certeza do não para a questão em análise; pelo simples fato de que a matéria que surge dos questionamentos infinitos é a matéria questionada como existente e válida. Assim, fecha-se o ciclo e prova-se, de uma vez por todas, que não podemos duvidar do ato de duvidar, e não podemos duvidar de que pensamos ou de que existimos, e suas consequências posteriores.
submitted by CydoniaMaster to Filosofia [link] [comments]


2019.05.16 02:30 kimigou Teoria Thor

Em guerra infinita vemos Thor conseguir ultrapassar os raios das 6 joias do infinito juntas, assim muitos pensaram que o Storm Breaker poderia ser mais forte que a manopla, mas é possível ver que a manopla consegue sim desacelerar o Storm Breaker, e que no filme ultimato na briga entra Thor e Thanos, o Thor com suas duas armas (Mjolnir e Storm Breaker), não consegue segurar a espada do Infinito (Em teoria ela precisa das 6 joias do infinito para ser utilizada), sendo assim logo podemos crer que a manopla é sim mais forte que o Storm Breaker.
ALGUNS PONTOS: o que pode invalidar essa minha teoria é o fato de em ultimato o Thor estar mais preguiçoso e desacreditado.
submitted by kimigou to MarvelBrasil [link] [comments]


2019.04.14 04:20 yhwhesmisalvacion Jonas foge de Jeová

Jonas 1:1-3 E veio a palavra do SENHOR a Jonas, filho de Amitai, dizendo: Levanta-te, vai à grande cidade de Nínive e clama contra ela, porque a sua malícia subiu até mim. E Jonas se levantou para fugir de diante da face do SENHOR para Társis; e, descendo a Jope, achou um navio que ia para Társis; pagou, pois, a sua passagem e desceu para dentro dele, para ir com eles para Társis, de diante da face do SENHOR.
Jonas, um profeta de Deus cujo nome significa pomba e cujo pai é a verdade porque Amitai significa verdade, isto é, que Jonas é uma pomba da verdade, sendo uma pomba sinônimo de um mensageiro, vemos que Jonas era um mensageiro da verdade, então, Jeová aproximou-se de Jonas sabendo que Ele o gerou, Ele deu-lhe sua identidade e sua função, nascido da verdade e enviado para ser um mensageiro.
Uma glória de humildade e verdade, um representante do Espírito Santo, levado a apregoar o evangelho a uma cidade temível como Nínive, cidade que tinha subjugada ao povo de Deus.
Então, quando ele ouve isso ele se recusa a cumprir a vontade de Deus, mesmo que isso o leve a deixar a presença de Deus que no original hebraico presença significa, literalmente, «face ou rostro». A falta de perdão que ele tinha ou tomar uma posição de juiz levou-o a invalidar uma ordem e negar a sua identidade de mensageiro da verdade, lançando-se ao orgulho e abandonando a humildade, características de sua essência.
Porque Jonas conhecia a Deus e sabia que, ao ir a Nínive e pregar a mensagem, Deus, em um ato de clemência, piedade e misericórdia, retiraria a sua ira e se arrependeria, se Nínive escutava a mensagem de destruição contra eles por causa de sua maldade, ao saber isso foge porque ele quer ver a seus inimigos cair e não ver uma glória sobre eles, uma glória chamada arrependimento e uma bondade sobre um povo totalmente cruel e indiferente diante da glória de um Deus Vivo.
Isso nos faz ver que podemos conhecer a Deus e sua verdade, mas a falta de perdão nos levará a desobedecer a ele porque seu amor vai ser derramado sobre nosso inimigo, mas nós preferimos ver a ruína de nossos inimigos.
Quando na essência do evangelho está o perdão aos nossos inimigos, que é o ministério da piedade manifestada por Jesus Cristo para perdoar a nós, um mundo que não sabe diferenciar entre sua mão esquerda e mão direita, um mundo cruel e impiedoso, carente de amor, que Deus em seu amor, enviou um mensageiro da verdade, em sua essência pura a Jesus Cristo que ao contrário de Jonas, ele disse:
Salmos 40:7 Então disse: Eis aqui venho; no rolo do livro está escrito de mim:
Jeová que deu a seu filho Jesus Cristo para perdoar todos os pecados de um mundo cruel, e não só isso, mas para mudar a natureza de todo aquele que acredita na mensagem da salvação dando-lhe uma nacionalidade, uma nova vida, uma paternidade e saborear as bondades do amor de Deus e o conhecimento da sua mão direita.
Amados irmãos, busquemos o perdão para os nossos inimigos para não fugir do chamado de Deus, mas poder apregoar o evangelho como Jesus Cristo e assim trazer mais filhos para a sua glória.
João 3:16 Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
submitted by yhwhesmisalvacion to u/yhwhesmisalvacion [link] [comments]


2019.03.19 18:09 gab_rod A Empiricus é péssima, mas esperta

Eu tava pensando: será que a Empiricus não escolheu a famigerada Betina exatamente porque ela é o esteriótipo da mulher rica brasileira? Com absoluta certeza a internet iria reagir com vigor (e com razão, mas não vem ao caso), virando um meme e assunto polêmico da vez. Ai eles podem jogar o jogo do "tá nos olhos de quem vê" e virar a culpa para os críticos pra invalidar as acusações totalmente válidas, que a empresa promete demais e não cumpre.
Até o nome da personagem... Você conhece quantas Betinas com menos de 80 anos?
submitted by gab_rod to brasil [link] [comments]


2019.01.19 17:48 luangcarlos Estuprar não se torna certo porque um estuprador disse que é errado.

Porque há uma tentativa de invalidar tudo o que o Bolsonaro disse, e seus eleitores defenderam, pelo que estão acusando o Flavio?
Desde muito tempo, eu sempre aprendi a defender ideias e nunca pessoas. As acusações não validam o esquerdismo!
submitted by luangcarlos to brasilivre [link] [comments]


2018.08.31 19:17 Capetoider Conflito de Interesse? Isso vale para as negociações dos sindicatos?

Com a reforma trabalhista, agora há regras sobre as pessoas terem que autorizar previamente os descontos sindicais (antes era descontado e as pessoas tinham que pedir para não ser feito o desconto).

Com isso, os sindicatos já viram que perderiam dinheiro e por isso começaram a incluir nos acordos coletivos cláusulas de descontos sem a opção até mesmo da pessoa pedir que não seja descontado.

Não sei se sou só eu, mas acredito ser um claro conflito de interesses. Mesmo porque muitos sindicatos estavam "escondendo" essas clausulas, colocando o medo das pessoas que perderiam os direitos adquiridos e que era para aceitar mesmo um acordo meia boca, para pelo menos manter os direitos. E de quebra, "assinar em baixo" no desconto sem possibilidade de oposição.

Podem acabar levando isso a justiça para invalidar os acordos com base no conflito de interesses?
submitted by Capetoider to brasil [link] [comments]


2017.05.29 17:43 MoonGosling [SPOILERS!] Real: O plano por trás da história é a propaganda mais escrota que eu já assisti

Ontem eu fui assistir ao filme Real: O plano por trás da história e eu só posso dizer que chega a ser risível a existência desse filme. Eu sabia que no cenário político atual, tinha uma chance desse filme ser somente mais uma tentativa de polarizar a população, e tirar a atenção de alguns problemas, jogando-os em cima de outros, mas ainda tinha um pouco de esperança que alguma coisa boa fosse sair. Honestamente, só faltou o filme acabar com um fade to black, e na tela: #FHCSeuLindo #MoroHeroiBrasileiro #PTeFDPSaoSinonimos.
Os caras tentaram forçar a ideia de que o PT é o partido burro de oposição, que chama de golpe tudo o que vai contra ele (numa tentativa bem clara de invalidar aqueles que chamaram o impeachment de Dilma de golpe), apresentaram, logo nos primeiros 5 minutos, os eleitores de Lula como a esquerda caviar que diz uma coisa e se porta de outra, apresentou o neoliberalismo como a resposta para todos os problemas do Brasil nos anos 90, com direito a um foreshadowing que indica que o neoliberalismo é a única saída para o Brasil de hoje (engraçado que o estado de São Paulo patrocinou esse filme...). Mas a melhor parte foi quando eles conseguiram espremer um elogio ao Moro.
Esse filme teria sido até engraçado, se não tivesse sido preocupante.
Só não entendi os ataques ao Serra. Tava quase um comic relief.
P.S.: Depois de ver esse filme só estou esperando o anuncio da candidatura de FHC, ou de Gustavo Franco
P.P.S.: Alguém sabe quem fez a trilha sonora desse filme?
submitted by MoonGosling to brasil [link] [comments]


2014.02.27 02:58 eduseiti Discussão: o que está errado com o argumento de Tortoise em "Two-Part Invention"

Seguindo a sugestão em aula...
Ao duvidar da hipótese, parece que Tortoise está questionando o próprio axioma Euclidiano (pode assim ser considerada a noção comum de Elementos?) "Things that are equal to the same are equal to each other".
Se Tortoise não aceita a afirmação "Se A e B então Z" dentro do sistema apresentado, não está ela questionando a validade do próprio axioma? "A" deveria ser axioma e dele teria-se dentro do sistema "Se B então Z".
Assim, questionando o próprio axioma, não existe solução no sistema e acrescentar hipóteses fazendo uma infinita auto-referência ao questionamento inicial, não tem fim.
Ao invalidar o axioma - ou exigir sua prova - Tortoise não está nem aceitando raciocinar dentro desse sistema...
submitted by eduseiti to gebfeec [link] [comments]